9 de mai de 2010

à minha frente - coisas
quase todas pretas
quase todas plásticas
branco o monitor
a dor antiga
que faz a mente branca
a alma já
não mora por aqui
a alma sente
o verso é delírio do olho
que observa
de mãos que tateiam
o som o som
salivas e suores
profanas as palavras
só no silêncio se toca
o céu
- davi me ensina
a santidade da canção

(VII)

Um comentário:

  1. Davi é bom professor.

    No que diz respeito à sua pergunta sobre o Facebook, vou te esclarecer:



    Existe um tal de Marcelo Novaes lá no Face, cuja foto é de Atlas [um homem carregando o mundo...], que já me sugeriram como amizade, por "ele ter estudado no mesmo colégio que eu, no mesmo ano!". Se vc puder conferir o gajo [naturalmente, ele não aceita minha solicitação de amizade, e suas configurações de segurança não me permitem ler o seu perfil...], veja se ele te aceita e copie o perfil do rapaz. Abri outro perfil meu, e como ele tem antigas amizades de meus tempos de Orkut, suspeito que esteja querendo se passar por mim.



    Como não sei teu nome, só me resta dizer: um beijo, e obrigado.



    Vc achará um novo perfil meu lá, com minha foto. É um perfil discreto, mas com dados fidedignos.



    Eis o problema, em suma.



    Esclarecido?!



    Beijo.

    ResponderExcluir